Carregando

Sobre Nós

O Grupo Trip foi fundado em 2001 com o objetivo de expandir o turismo na região dos Lençóis Maranhenses pelas mãos dos empresários Maria Luiza Silva e Edvaldo Ugarte. Teve inicio com a criação da Pousada Encantes do Nordeste e do Bar Restaurante e Pizzaria Bambaê, em Barreirinhas. Como braço de vendas e prosseguindo sua expansão na maior cidade da América Latina, o Grupo Trip fundou em São Paulo, a agência Encantes do Nordeste – Turismo Expedições e Hospedagem, em 2003. Em 2014 inaugurou um novo empreendimento, desta vez no Atins, povoado pertencente ao município de Barreirinhas, a Pousada Jurará. Surgiu então a necessidade de instalações de categoria superior no Atins e em 2016 veio a nova área que é um anexo  da Pousada Jurará, a  Vila Jurará. E finalmente em 2017 para atender ao público infantil, inaugurou o Parque Kaya N’Gan Daya junto ao Bambaê.

Originalmente, a inspiração para os empreendimentos no Maranhão surgiu durante uma visita ao Farol Preguiças, de onde é possível se obter uma vista privilegiada do entorno maranhense. “Foi um encantamento imediato e extremamente intenso. Quando desci do farol já procurei algum terreno para comprar ali, que me pareceu e me parece até hoje a vila mais bonita da região. Comprei um terreno em Mandacaru que tenho até hoje e voltei em fevereiro para procurar um terreno em Barreirinhas que na época era uma cidadezinha também muito simpática e com personalidade. Começamos a construir imediatamente e em outubro daquele ano, 2001, inauguramos os primeiros sete chalés da pousada. Dali em diante, fomos crescendo sistematicamente até chegarmos aos 28 chalés atuais”, relembra Ugarte.

Os demais integrantes do Grupo vieram na sequência, com a chegada do Restaurante Bambaê, da Pousada Jurará, em 2014, e da Villa Jurará em 2016. Com bases sustentáveis, todos os empreendimentos do Grupo Trip contam com colaboradores locais, contribuindo para ativação econômica regional, qualificação profissional e expansão das potencialidades maranhenses, o que inclui ecoturismo, turismo náutico, turismo de aventura e turismo de experiência. Em Barreirinhas – a principal porta para os Lençóis Maranhenses -, os turistas encontram maior infraestrutura em relação a serviços de alimentação, passeios e agências bancárias, enquanto em Atins desfrutam de uma vila de pescadores formada por praia, mata nativa e uma vida tranquila e atraente.